Polícia DOP - Fórum
Deseja "Conectar-se" com uma conta existente ou "Registra-ser"?
The Guardian

Clique AQUI e seja direcionado ao Jornal OFICIAL da Polícia DOP!
Destaque: Jhon_of_Royalty
Destaque dos INS

Destaque: MCMaython
Destaque dos SUP


Destaque: caio94444

Destaque dos TRE


Destaque: daviaraujo28
Destaque dos AM

Quem está conectado
3 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 2 Visitantes

hugo7992

Ver toda a lista


Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Convidado
Convidado


[Documento] Setor Jurídico

em Qui 23 Ago - 1:46
SETOR JURÍDICO DO
DEPARTAMENTO DE OPERAÇÕES POLICIAIS




 A audiência judicial é um evento único e de extrema importância que muitas veze,s por si só, define a sorte de um processo, Nela poderá haver a transação, a produção e a impugnação de provas e até mesmo o julgamento.


CONSTITUINTES:

 O Departamento de Operações Policiais, em posse de seu tribunal, distribui seus membros constituintes da audiência em seguinte forma:

• Juiz;
• Oficial de Justiça;
• Advogado de Acusação;
• Advogado de Defesa;
• As partes;
• Testemunhas.

Uma das partes (acusada) abre um processo de que sera julgado no tribunal da DOP. A parte de perde terá o direito de recorrer a uma ultima instância, sendo assim, julgado pelo, então Presidente Fundador --spy--wolf--.

 
DIA E HORA:

 As audiências são designadas com data e horário de inicio, É de bom tom reunir-se ao cliente e testemunhas com antecedência, tanto para colher informações complementares quanto para discutir e esclarecer a causa. Neste momento verdades ainda não vistas podem ir à tona, então, que o advogado as conheça antes de entrar a "sala de inquisição".
 
 
INDUMENTÁRIA,
EXPRESSÃO CORPORAL E VERBAL:

 A audiência judicial é um ato solene que existe certa liturgia, e , portanto, as vestes utilizadas pelos participantes e sua aparência devem estar a contento, tanto para demonstrar reverência ao juiz quanto para transmitir seriedade e confiança recíprocas.
 Quanto aos movimentos físicos, deve-se procurar executá-los com atenção, vagar e suavidade, o que tranquiliza os presentes.
 Ao adentrar na sala de audiências o advogado cumprimenta o juiz, referindo-o como "Excelência" ou "Dr." Também cumprimenta os servidores ali presentes, a parte adversa e seu advogado. Durante o ato, o advogado não deve usar gírias ou expressões não técnicas e palavras de baixo calão, ademais, quanto for vocalizar, que seja perfeito vernáculo. As partes também devem seguir os mesmos preceitos.






ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO
20/03/2019
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum